Amor e «Fuga» sobre as águas do Mississippi

Fuga_poster

Jeff Nichols é o realizador de Fuga (Mud é o título original), que nos apresenta as vidas simples de Ellis (Tye Sheridan) e Neckbone (Jacob Lofland), dois pré-adolescentes que um dia se aventuram pelas águas do Mississippi até uma ilha onde descobrem um barco em cima de uma árvore. O que os dois rapazes não esperavam era que nele vivesse gente, precisamente Mud (Matthew McConaughey), que nele se esconde para escapar aos caçadores de prémio que o procuram para vingar um crime que cometeu. Tudo isto com o objectivo de engendrar um plano para fugir e reencontrar-se com o seu amor de longa data, Juniper (Reese Witherspoon).

Filmando no estado onde nasceu, o Arkansas, (quiçá em registo autobiográfico invocando memórias de adolescência) Nichols deixa repousar a turbulência psicológica tão viva nos seus anteriores Histórias de Caçadeiras e Encontrem Abrigo. Em Fuga, o realizador não esconde a influência de Mark Twain na sua escrita e este argumento pode ser considerado uma versão “moderna” de Huckleberry Finn, entre aspas porque efectivamente o filme não oferece referências temporais tangíveis.

A água e os barcos são os elementos centrais que sustentam todas as personagens e interacções numa história que aborda a universalidade e a inocência do amor, aqui retratado do prisma masculino. Encantos e principalmente desencantos amorosos atravessam um mar de vidas endurecidas onde não encontramos uma única relação amorosa de boa saúde. Os pais de Ellis não são excepção, e com o seu divórcio à vista o rapaz precisa desesperadamente de acreditar no triunfo do amor. Perante a ameaça da destruição da barco onde habita, decide fazer tudo o que pode para ajudar a reconstruir um outro barco, o de Mud, ajudando-o nesta cruzada romântica.

Encontro após encontro, os dois rapazes vão descobrindo uma identificação cada vez mais forte com Mud, principalmente Ellis, pela vertente romântica, mas também Neckbone, pela condição partilhada de órfão. Todavia, é o paralelo entre Mud e Ellis que é mais explorado, com semelhanças comportamentais (o recurso à violência em prol do amor) e até de vestuário (ambos usam calças rasgadas praticamente no mesmo sítio). Mais, está presente uma analogia entre cobras e mulheres (ou à relação dos homens com estas) comum a ambos: Mud já foi mordido por cobras tal como já sofreu de desgosto amoroso, duas experiências pelas quais Ellis passará em breve. A reforçar esta ideia, o próprio pai de Ellis a certa altura dirige-se à sua mãe dizendo “you’re a snake”.

Mud_destaque

O filme impõe um ritmo relativamente lento que permite ao argumento respirar e adensar devidamente cada uma das personagens em ambiente “sulista”, adornado com os sons de guitarras próximas do blues e captado de forma belíssima graças ao contributo da fotografia de Adam Stone, com realce para os planos do Mississippi e para a sequência do nascer do dia em que entra em marcha o plano de Mud.

McConaughey dá um salto qualitativo muito considerável na sua carreira, cimentando com este papel a boa fase demonstrada em The Paperboy – Um Rapaz do Sul, emprestando carisma, determinação e uma tristeza genuína a esta personagem. Por seu turno, Reese Witherspoon tem um papel de pequena dimensão bem executado como uma mulher que até ao momento desperdiçou toda a sua vida de engate em engate. Contudo, são os dois rapazes o motor do filme: Jacob Lofland é convincente na sua postura de resposta fácil e humor desprendido, mas a descoberta mais positiva é o talento de Tye Sheridan, incrível na forma como transparece a prematuridade emocional de Ellis, não apenas nas palavras mas principalmente através do olhar.

Ao terceiro filme, Nichols afirma a sua maturidade como cineasta e contador de histórias ao orquestrar impecavelmente elenco, argumento e realização, fazendo de Fuga um filme mais contido que os seus anteriores porém com uma consistência temática que o torna uma das produções norte-americanas mais envolventes que já vimos este ano.

Classificação (0-10): 8

Fuga | 2012 | 130 mins | Realização e argumento: Jeff Nichols | Elenco principal:  Matthew McConaughey, Tye Sheridan e Jacob Lofland

Anúncios

Comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s