Doclisboa’14: Programa completo e principais destaques

Doc14_CartazWeb_LowRes

De 16 a 26 de Outubro o Doclisboa – Festival Internacional de Cinema está de volta a Lisboa para o seu 12.º Outono.

250 filmes, provenientes de 40 países.
109 longas e 141 curtas-metragens.
40 estreias mundiais, 12 estreias internacionais e 2 europeias.

O  programa completo do Festival foi divulgado em conferência de imprensa na Culturgest pela direcção de Cíntia Gil e Augusto Seabra. Consternado pela morte recente de Peter von Bagh, Augusto M. Seabra afirmou emocionado que esta edição será dedicada ao cineasta que mantinha uma relação estreita com Portugal, quer a nível profissional quer pessoal. Com presença assídua no Doclisboa, Peter von Bagh foi presidente do Júri do festival em 2011. O programa conta com o seu penúltimo filme e mais pessoal Muisteja (Remembrance), na secção Riscos, bem como o seu derradeiro projecto Socialism, que encerrará o festival.

maidan

A sessão de abertura tem lugar dia 18 de Outubro com Maidan, de Sergei Loznitsa, que retrata os protestos de 2013, em Kiev, contra o regime ucraniano, tendo sido premiado pela crítica em Cannes.

Na competição internacional, Edgar Pêra estreia Lisbon Revisited Éric Baudelaire traz-nos Letters to Max, enquanto do outro lado do oceano o vento quente do novo cinema brasileiro é trazido por Adirley Queirós, com Branco Sai Preto Fica. Da China, Wang Bing estreia internacionalmente Father and Sons, e da cooperação entre Singapura e Portugal surge Snakeskin, de Daniel Hui

Na competição portuguesa de longas-metragens destacam-se Flor azul, de Raul Domingues, As cidades e as trocas, de Luísa Homem e Pedro Pinho, A lã e a neve, de João Vladimiro e João Bénard da Costa – outros amarão as coisas que eu amei, de Manuel Mozos. Na secção das curtas-metragens são de realçar Metáfora ou a tristeza virada do avesso, de Catarina Vasconcelos e O Indispensável treinado da vagueza, de Filipa Reis e João Miller Guerra, ao passo que Fora da competição de será exibido Triângulo Dourado, de Miguel Clara Vasconcelos, e de João Botelho veremos o seu último Quatro, sobre quatro dos mais importantes artistas portugueses contemporâneos.

 “Nunca pensei que estas palavras saíssem da minha boca, sinceramente, temos de agradecer à Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. Apesar das futilidades “somewhere” existem departamentos que tratam de coisas importantes” Augusto Seabra

A afirmação era dirigida às cópias restauradas que esta edição vai ter do realizador Stan Brakhage, Trilogia de Pittsburgh, e que são agora exibidas pela primeira vez fora dos EUA; para além da trilogia, a secção Riscos mostrará também o trailer restaurado de F for Fake, de Orson Welles, e o documentário Duras et le Cinéma, que Dominique Auvray montou a partir do trabalho de Marguerite Duras.

Na secção Heart Beat destaque para Berlin, um documentário sobre Lou Reed, do artista plástico e realizador Julian Schnabel, que encerra a secção no último dia do festival e em véspera do primeiro aniversário da morte de músico. BAAL, de Volker Schlöndorff, a filmagem de Bertolt Brecht com Rainer Werner Fassbinder no papel principal, e Die Generalprobe, de Werner Schroeter, que filmou o trabalho de Pina Bausch em Café Müller são outros títulos a ter em conta.

Por último, a secção O nosso Século XX,  um encontro do cinema com a história da Europa, passando por Noite e Nevoeiro, de Alain ResnaisVision de l’impossible, de Émil Weiss e pela denuncia dos horrores dos campos de concentração no final da II Guerra Mundial realizada pelo Museu Imperial da Guerra britânico a partir das indicações deixadas por Alfred Hitchcock. A 12ª edição contará ainda com duas retrospectivas, uma com a obra completa de Johan van der Keuken, onde destacamos Amsterdam Global Village, e a Retrospectiva Neo‐Realismo e Novos Realismos, que apresenta filmes como A Terra Treme, de Visconti, Europa ’51 de Rossellini, ou Umberto D., de Vittorio di Sica.

Programação completa com sinopses dos filmes aqui.
Horários de todas as sessões aqui.

Advertisements

Comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s